30/06/2015

DIY Coletivo: Tipografia na decoração






Agora que as férias acabaram estou achando difícil entrar no ritmo que gostaria.

Também assumo que não estou com pressa de nada, de querer, de alcançar, como já muito estive, desta forma a ansiedade, vem, bate a porta, e já era. Tudo fica ainda mais difícil.

E a gente esquece de algo muito importante, do tempo da colheita, sabe?

Quando plantamos uma semente, de uma roseira, por exemplo, já sabemos que aquela semente está programada para se transformar em uma rosa, se claro, dermos os cuidados necessários para que ela floresça. E tudo isso leva um certo tempo para acontecer.

Não tem jeito.






O mês já está acabando e eu não queria deixar de participar do DIY Coletivo de junho, que é tipografia na Decor. Vendo tantos projetos lindos, me senti contagiada e com uma vontade enorme de participar.

Estou reformulando um cantinho do meu quarto. Desejo tirar uma cômoda que serve de criado mudo, e é ótima para guardar alguns livros. Mas ela me incomoda agora, ver todos aqueles livros de design, decoração, arte e moda, geram uma certa ansiedade por não ter lido todos...

Veja a tal da cômoda aqui. Mas hoje ela tem o dobro de coisas! OMG!

Quero ter um lugar que ofereça tranquilidade para a minha mente e não um espaço que parece me cobrar dos papéis que desempenho na minha vida.

Já pensou em quais papeis você desempenha?

Somos blogueiras, designers, engenheiras, médicas, professoras, enfermeiras, mães, esposas, namoradas, filhas, irmãs, tias... Ufa! E por aí vai!

Acho engraçado, porque parece que hoje em dia, quanto mais papeis você desempenhar, melhor.

Mas será que é isso mesmo que importa? Fico pensando sobre isso algumas vezes.

Imagina se me identifico como professora, estarei na realidade me identificando com as ideias que acumulei durante um determinado tempo.

Agora, o pior, se me identifico como uma pessoa rica, estarei me identificando com a minha conta bancária.

Será que é isso mesmo que temos que buscar? 

Porque quanto mais papeis desempenhamos em prol do que a sociedade nos exige, iremos ter cada vez mais dinheiro, para termos mais objetos, para ir a mais lugares da moda, comer cada vez mais, e por aí vai, é sempre ter, ter e ter...

Quando será que iremos considerar status o SER e o não o TER?


Então a tipografia que desejo para a minha decoração, é algo que me lembre de seguir sempre a minha essência e não o que é dito por aí o que devemos fazer, ser e até estar.... 

São dois projetinhos para o mesmo tema, vamos começar pelo mais fácil:




Tenho um livro só de estampas inspiradoras, cada página é uma ilustração. Resolvi trabalhar o desapego, tirei uma página linda desse livro e foi direto para a minha parede. Acho que ela vai ter mais visibilidade assim! ;)

Para as letras, é bem simples:

1) Imprima o seu texto no tamanho que desejar;
2) Em uma mesa de luz, coloque o seu papel colorido em cima do texto que você imprimiu e desenhe por cima.

Não tem mesa de luz? Também não tenho, então pega uma luminária coloca debaixo de uma mesa com um tampo de vidro e prontinho!

Não tem mesa com tampo de vidro? Vá pra janela (dá o mesmo efeito);

Não tem impressora? Digita no computador, calcula com o zoom o tamanho que deseja e coloca a sua folha colorida em cima da tela, dá certo! ;) 

3) Recorte as letras, usei a cola bastão, que é a minha queridinha, para fazer as colagens.

E Voilà!!! Um pôster lindo para chamar de seu! Lembrando que você pode pegar qualquer ilustração que combine como seu momento!




O segundo projetinho é um pouco mais elaborado e segui o passo a passo da Beatriz do blog Pitanga Amarela, que me inspirou a fazer a minha bandeira. 




Você vai precisar de:

- Tecido 100%algodão;
- Cola para tecido;
- Papéis coloridos;
- Tesoura;
- Fita de cetim, barbante ou cordão de nylon;
- Palito de churrrasco;
- Régua;
-Alfinetes;
-Ferro de passar.

1) Dobre o tecido no formato da sua bandeira, utilize os alfinetes para manter a dobradura;

Dica da Bia: Primeiro dobre as laterais, para que o acabamento fique melhor. ;)

2) Antes de passar a cola de tecido, utilize o ferro para que a dobradura fique bem firme;

3) Posicione o palito de churrasco no topo da bandeira e passe um pouco de cola no tecido;

4) Lembra das dicas para as letras do pôster? Então, escolha a melhor para você, logo em seguida recorte e passe uma camada bem fina de cola de tecido. Não se esqueça de alinhar a palavra com uma régua.

E está pronta! =)





Espero que você tenha gostado! 



Não se esqueça que segunda-feira que vem, dia 06/07, lançaremos o tema do próximo mês, e estarei lá, firme e forte. Pode acreditar! Já desconfia de qual será o tema?

Antes de finalizar o post, gostaria de agradecer de coração a todas pessoas que tentam comentar, não conseguem e ainda me avisam! Realmente está com um erro, e estou trabalhando para solucionar, ok?!



Este post faz parte do projeto DIY Coletivo da Equipe SOS Decor. Pra ficar por dentro de todas as blogagens ou participar das próximas edições, basta ficar ligado na fanpage do Facebook.




















Nenhum comentário :

Postar um comentário