11/11/2014

A porta lousa

Quem gosta de artesanato ou tem como paixão decorar a sua casa, vive procurando novos meios para exercitar suas habilidades criativas e seus talentos em prol de presentear alguém ou até mesmo um ambiente.

Dessa vez quis presentear mais uma vez o meu quarto, há tempos que sonhava com uma parede lousa onde pudesse ter a liberdade de fazer alguns rabiscos e refletir o meu estado de espírito. Assumo que surgiu um temor para pintar uma parede, já que nunca tinha feito isto na vida, mas com um pouquinho de confiança, resolvi não me preocupar com o pior e me arrisquei na pintura. Da porta... hahaha.... e não da parede! Mas tá valendo! O importante é você negociar os seus sonhos com o que é possível! E já falei disso aqui.

Vamos ao passo a passo:



Atenção para a chamada dos materiais:


- Rolo de espuma;
- Pincel;
- Fita crepe;
-Jornal;
-Água Raz
- Bandeja para a tinta, caso queira preservá-la, sugiro que cubra a mesma com papel alumínio;
- Tinta esmalte sintético na cor preta, virei fã dessa tinta, e já fiz um projetinho com ela aqui.


Prepare o território:


Não economize na fita crepe, ela será a sua proteção para não pintar lugares indesejados. Caso pintar uma parede, utilize-a para fazer a demarcação da sua pintura.


Ainda no quesito proteção:


Como utilizar o rolinho pode gerar respingos em você e nas paredes a sua volta, não se esqueça de utilizar uma roupa velhinha e cobrir com jornal as paredes próximas e o chão da área a ser pintada.

Bora pintar:


- Comece pelos detalhes com o pincel, no meu caso os detalhes são a área da maçaneta e das dobradiças. Mas caso você esteja pintando uma parede comece pelas áreas onde foram delimitadas pela fita crepe;

- Na hora do rolo, pinte em "W"pequenas áreas por vez, vá pintando cada pedacinho, quando achar que estiver Ok, parta para a área ao lado. A primeira demão vai ficar manchada, depois de uns 30 minutos proceda para a segunda demão. Mas não se esqueça de fazer um teste de toque na área que foi pintada;

- Retire a fita crepe com cuidado para não tirar lascas da tinta.

No dia seguinte, a minha porta estava pronta para ser usada:


Dica Bônus:


Deixe o giz de molho na água e espere secar antes de usar, pois irá marcar menos a sua lousa! =)

Me senti um pouco criança de novo, a lousa trouxe o prazer de experimentar novos rabiscos, escrever algumas coisas de forma despretensiosa. 








2 comentários :

  1. Como assim "perdi" este post? Adorei sua coragem e o resultado! Ficou show! Curto muito a ideia de ter estampados estes dizeres inspiradores que encontramos por aí e nada mais prático do que uma lousa para isso. Amei!
    Bjos :**

    ResponderExcluir
  2. Oláaaa! Que bom que gostou! Fico feliz em saber!


    Eu também amo esses dizeres, e nada como acordar, dar de cara com essas frases inspiradoras, abrir a porta e seguir para um novo dia! Me faz um bem danado sabia? Mas já estou pensando em qual será o novo desenho! =)


    Beijooos!

    ResponderExcluir