06/10/2014

Como é para você comprar móveis de segunda-mão?



Gente! Móveis podem ganhar novas roupagens e funções! Convide a sua criatividade para participar da decoração da sua casa, tenho certeza, que além de divertido, trará mais personalidade ao seu lar. E ainda, você vai estar na moda, porque nunca foi tão moderno ser vintage, retrô ou antiguinho, como nos dias de hoje.

Além disso tudo, é uma necessidade para o BEM do planeta!
  • é uma ótima opção para decorar, gastando pouco
  • é uma forma de reagir à cultura do descartável, reaproveitando ao máximo as diversas possibilidades de um mesmo objeto
  • ajuda a diminuir a demanda de consumo, que polui o meio ambiente e prejudica a sociedade
Viu como pode ser vantajoso para você e para o meio ambiente?


A minha primeira experiência com móveis usados, foi ano passado. Dando uma volta pelas ruas do Jardim Botânico, descubro uma "venda em garagem", tipo um brechó. Por curiosidade resolvi entrar, e garimpei algumas coisinhas na venda. 



Super dica #1:

Sempre começo pelo fundo de um brechó e vou caminhando para a frente... É no fundo que estão os tesouros que ninguém viu ainda! ;)

Essas cadeiras foram garimpadas lá. Estávamos precisando de cadeiras novas para a cozinha, comprei por R$120,00 as três. Acho que fiz um bom negócio!

Se deseja exclusividade para os seus garimpos, não tem jeito, tem que botar a mão na massa!














































































































 A cozinha foi o primeiro cômodo a receber peças de segunda-mão. Amo saber que essas cadeiras carregam uma estória e agora a minha casa passa a ser parte dela.

A cozinha antes de recebê-las era assim:






































E ficou assim:





































Elas viraram o xodó da casa, já vou adiantar que a cozinha não está mais nessa disposição, sofreu algumas modificações que logo, logo irei compartilhar aqui. Mas já adianto que as cadeiras ficaram! \o/



6 comentários :

  1. Quanto potencial essas cadeiras escondiam, hein? Adorei o resultado! Bela escolha de cores, ficaram lindas com a composição da mesa e arranjo. Admiro demais quem tem esta "coragem" de dar vida a móveis antigos com as próprias mãos. Eu, por ser meio imediatista, não me dou muito bem nessas tarefas que envolvem lixa, pintura, demãos... Por isso mesmo valorizo ainda mais de quem faz com este capricho todo! Já estou esperando o post da cozinha! =**

    ResponderExcluir
  2. Olha Carla, pelo pouco que te conheço, tenho certeza que se você se jogar em uma restauração de um móvel, vai sair coisa boa! =) Realmente, dá trabalho, para mim a parte mais cri cri é a hora de lixar. No caso dessas cadeiras, fiquei longos dias nelas. Mas, valeu a pena o esforço! =)
    Pretendo postar em breve como está minha cozinha, ainda faltam alguns detalhes! Rs...
    Beijão! =)

    ResponderExcluir
  3. Que garimpo hein?
    Adorei a transformação, as cores são vibrantes e lindas.
    Está de parabéns!
    Preciso visitar um brechó. haha me passa o endereço dele? Eu não sou muito boa reformar não, embora eu adore isso,mais meu marido sempre se aventura junto comigo..rs
    Obrigado pela visita em meu blog.
    Beijos
    www.decorarepreciso.com.br/blog

    ResponderExcluir
  4. Obrigada, flor! Que bom que gostou!
    Vai lá visitar esse, fica no Jardim Botânico na rua J. J. Seabra, do lado da Galeteria Mormaço. Tendo uma mãozinha do marido fica tudo mais legal de se fazer! Se tiver sorte no garimpo, me fala! ;)
    Obrigada por estar aqui!
    Beijão!

    ResponderExcluir
  5. Eu adoro móveis de segunda mão!!! Primeiro, porque me sinto mais confortável de pensar que contribuí para a sustentabilidade, e segundo, porque acho que ele nos dá mais possibilidades.
    Suas cadeiras ficaram LINDAS! Amei!


    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Que bom que me passou o endereço.. Vou ver se na semana que vem irei lá.
    Obrigado.
    Beijos

    ResponderExcluir